terça-feira, 15 de julho de 2014

Moço, ele te ama


moço, ele te ama.
ele se confessou
ao olhar no espelho
as lágrimas que corriam
e pintavam em seu rosto
o medo, a alegria,
a entrega e a força
vitoriosa
de te amar.

moço, ele te ama.
ele quer caminhar
de mãos dadas,
quer ensinar com você
ao mundo
que esse amor
é cumplicidade e paixão,
como todo amor
deve ser.

moço, ele te ama.
e não importa o que digam
nas religiões,
na moral e nos bons costumes.
eles não sabem amar.
eles não sabem
que um casal não se reduz
a um par de genitálias
distintas.

Fábio Pedro Racoski

0 comentários:

Postar um comentário