quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Uma hora

uma hora
pra explodir o mundo
uma hora
pra esquecer quem sou
uma hora
pra lembrar que sou
uma hora
pra falar do que vivi
uma hora
pra gritar ainda que sem voz
uma hora
pra sentir você
e me sentir
uma hora
pra querer mais uma hora
pra deixar no corpo
e na memória
o gosto saboroso
da sua beleza
tão sutilmente
conquistadora.

Fábio Pedro Racoski

0 comentários:

Postar um comentário