terça-feira, 18 de outubro de 2011

Quem nunca?

quem nunca
acertou uma quina
com os dedos do pé?

quem nunca
tomou choque
quando bate o cotovelo?

quem nunca
ficou sem papel
no banheiro?

quem nunca
soprou garrafa
pensando ser flautista?

quem nunca
foi ridículo
na música, na moda, no amor?

quem nunca
se fodeu
de verde, amarelo, stars and stripes?

quem nunca
preferiu o sonho
a quem se sonhou, ao vivo?

quem nunca
foi rebeldezinho
sem saber por onde?

quem nunca
se apaixonou
por alguém mais velho?

quem nunca
sentiu a cabeça explodir
por uma paixão?

quem nunca viveu
nada disso
simplesmente
passou.

Fábio Pedro Racoski

0 comentários:

Postar um comentário