Páginas

segunda-feira, 21 de março de 2011

Vento do mar

o vento
que vem
do mar
arranca meu chapéu
bagunça meu cabelo
acompanha a maré
e joga areia em mim
mas eu gosto
de uma forma
incrível
e eterna

assim
eu gosto
de você

Fábio Pedro Racoski

3 comentários:

  1. Olha só, Mario Quintana não pensou nisso: Eu gosto de você igual gosto do vento!

    Lindo!

    ResponderExcluir
  2. Dá saudade da praia...
    De longe dá pra ouvir Armandinho...Maskavo (não curto muito o estilo, mas seu poema me fez lembrar de praia, e praia me lembra esse estilo e isso tudo dá muita saudade!)

    ResponderExcluir