segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Vote em mim

Vote em mim!

Me chamam de bicha,
boiola, veado,
sapatão.
Sei o que é
viver cercado
de ódio.
Sofro, luto.
Sei me defender.

Vote em mim!

Me chamam de puta,
rampeira, quenga.
Sei o que é
trabalhar
com gente suja
e lutar
para me manter
limpa.

Vote em mim!

Me chamam de tudo,
mas nunca me chamam.
Sei que sou igual
a quem está debaixo
daquele terno suado.
Sei que tenho mais
humanidade
do que quem se diz
amigo do povo.
Sei que sou você,
ele, ela,
nós,
mesmo que você
não queira.

Fábio Pedro Racoski

3 comentários:

  1. O poder é o que corrompe. Creio que uma boa parte das pessoas sabem o que se passa na sociedade e sente na pele os efeitos. Mas dê poder na mão de uma pessoa e veremos que ela se importará mais consigo mesma que com o "povão" de onde ela saiu...

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. somos todos, nao é mesmo??

    beijooo

    ResponderExcluir
  3. Muito bom!

    Infelizmente muito verdadeiro.

    ResponderExcluir