Páginas

domingo, 16 de maio de 2010

Futurismo


Quando tudo se repete,
quando tudo é igual,
quando a novidade
é arrancada
de duas décadas
atrás,
quando o que se escreve,
se canta, se vê, se fala
obedece padrões cinquentenários,
você pode perceber:
a cultura morreu.

Fábio Pedro Racoski

4 comentários: