sábado, 10 de outubro de 2009

Tremei, Frestão!

"El ingenioso hidalgo Don Quijote de la Mancha, compuesto por Miguel de Cervantes Saavedra."

Estas foram as primeiras palavras lidas na capa de um livro publicado em 1605, que ganhou sua segunda parte em 1615 e, hoje, é considerada a mais fantástica obra literária que a humanidade já produziu. Dom Quixote, o louco de cada um; Sancho Pança, o prático e grosseiro que vive em nós; Dulcineia, o platonismo do qual não conseguimos fugir. Uma obra emocionante, o livro que já li três vezes, em espanhol, sem me assustar com suas mil e tantas páginas (e livro se conta assim?).

"Viajei" bastante para chegar no motivo dessa postagem: a escola de samba União da Ilha trará como tema de seu desfile, em 2010, "Dom Quixote de La Mancha: o cavaleiro dos sonhos impossíveis" (também se referindo à canção do espetáculo da Broadway, "O homem de La Mancha"). Ainda estão por escolher a canção que ilustrará esse tema, mas eu já antecipo a vencedora (a mais empolgante e "quixotesca"!):

Sou um tanto quanto avesso ao Carnaval, mas vou torcer para a União da Ilha. QUIXOTESCOS, UNAM-SE!

0 comentários:

Postar um comentário