Páginas

sexta-feira, 20 de março de 2009

Vil metal

Era madrugada.
Alguém bateu à porta.
- Quem é?
- O grande amor da sua vida!
Abriu a porta.
Olhou,
olhou,
encontrou dez
dólares
e um bilhete
perfumado
com uma mensagem
de adeus.

Fábio Pedro Racoski

2 comentários:

  1. essa coisa de amor não presta não... é só assunto pra fazer poesia...bela a tua, por sinal...

    ResponderExcluir
  2. Minha paródia:

    Vil metal

    Era madrugada.
    Alguém bateu à porta.
    - Quem é?
    - O grande amor da sua vida!
    Abriu a porta.
    Olhou,
    olhou,
    encontrou dez
    dólares
    e um bilhete
    perfumado
    com uma mensagem:
    adorei seus lábios!

    ResponderExcluir