Páginas

domingo, 25 de janeiro de 2009

¡He nacido en Paraguay!

Ouvindo a histórica canção "Born in the USA", de Bruce Springsteen, resolvi fazer uma paródia bilíngue usando-se da mesma melodia e quase o mesmo refrão. Como sou péssimo cantor, publico a letra para que você, amigo e amiga leitor, possa cantá-la!

No he nacido en aquel rincón
lleno de alambres pero sin emoción
donde los aviones explotan edificos
y la libertad es solo un artificio

Born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
Born in the Paraguay

Nuestro pueblo fue asesinado
en guerras con Brasil, en El Chaco
sufrimos privaciones con dictaduras
nuestras tierras guaraníes de rojo están impuras

Born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
Born in the Paraguay

Pero tenemos Ypacaraí,
la guarania en las manos de Cuñataí
Un pueblo fuerte y cantante que hace del arpa
y sus cuerdas una bella canción de patria

Born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
Born in the Paraguay

Otros días buenos han de llegar
donde nuestro pueblo pueda ganar
su riqueza de vida, lo que merecer
pues somos más ricos que pueda parecer.

Born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
I was born in the Paraguay
Born in the Paraguay

3 comentários:

  1. Fui eu que postei na conta de mamãe... Mas, ótimo! cólicas de risos. Posso usar na aula sobre a Guerra do Paraguay?

    ResponderExcluir
  2. Olá Fábio
    Bonita letra, a música é que não sei qual é.
    Amigo, agradeço do fundo do coração as suas palavras. Hoje estou melhor, já saí à rua para uma caminhada e consegui levar um valente banho de água que me chegou aos ossos.
    Sabe Fábio! Tenho uma amigo meu que veio da África do Sul e pesava 135 Kg. Andava sempre revoltado com ele próprio, depois de tanto insistir com ele resolveu um dia entrar nas minhas caminhadas e também fazer uma dieta a preceito, sem AÇUCARES, reduziu muito às GORDURAS e principalmente começou a comer muitas VERDURAS, PEIXE e CARNES BRANCAS. No princípio dizia-me que um dia me matava, hoje ele pesa 98 Kg mas mede 1,89.
    Por isso eu entendo que se o Fábio se mentalizar que deve fazer isso, com certeza que o conseguirá.
    E vale a pena amigo, pois a vida terá outro sentido, não que eu esteja lhe chamando gordo, pois não o conheço e mesmo que o conhecesse e fosse realmente gordo, nunca tal diria.
    Desejo-lhe como se para mim fosse que obtenha muito sucesso.
    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderExcluir
  3. Perfeito!!! Eu cantei aqui, e coube direitinho!!

    ResponderExcluir