Páginas

domingo, 28 de dezembro de 2008

Menestréis do "humor pastelão"

Nada mais comum no Brasil que músicos entoando canções repletas de duplo sentido e conotações sexuais. Às vezes, denotações sexuais, como na contramúsica à qual chamamos de "funk carioca".

Quem começou isso? Quem pode ser chamado de "rei" da música de humor pastelão? Um dos pioneiros é o paraibano Genival Lacerda. Seus sucessos "Severina Xique Xique", "De quem é esse jegue?" e "Radinho de Pilha" tornaram-se canções populares no Brasil. É um cantor que leva o brega na "arte" e no estilo.

Nossos irmãos lusitanos também têm seu representante do duplo sentido e da "sacanagem": o minhoto Quim Barreiros.

NOTA: Sim. "Pá" em Portugal serve para nomear o mesmo orifício a que chamamos com outra palavra de duas letras.

Um comentário:

  1. o Amigo lusitano é engraçado, mas, o Genival LAcerda é mais! e a dancinha? que sensual.... essa música da Saverina faz parte da minha infânca psicodélica!Eu tinha um disquinho cor-de-rosa, onde ums patinhos(!)cantavam as músiquinhas...inclusive a da Severina!

    ResponderExcluir